Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Bem-vindo à GS1 Brasil A Linguagem Global dos Negócios
Navegar para Cima

Skip Navigation Linksentenda-como-funciona-o-codigo-de-barras

Compartilhe:

Entenda como funciona o código de barras

O código de barras padrão GS1 (antigo EAN) é formado por uma numeração (GTIN) e uma representação gráfica (as barras). 


Os códigos de barras são utilizados para representar uma numeração (identificação) atribuída a produtos, unidades logísticas, localizações, ativos fixos e retornáveis, documentos, contêineres, cargas e serviços facilitando a captura de dados através de leitores (scanners) e coletores de código de barras, propiciando a automação de processos trazendo eficiência, maior controle e confiabilidade para a empresa. 

A GS1 padroniza e gerencia um conjunto de códigos de barras destinados a diversas aplicações. Veja mais no detalhamento.


Cada tipo de produto deve conter um código de barras diferente, por exemplo:

  • Macarrão Penne 200g
  • Macarrão Penne 500g
  • Macarrão Fusilli 200g
  • Macarrão Fusilli 500g

Cada um destes itens terá um código de barras único, pois tratam-se de produtos diferentes. O código de barras para o produto deve conter 13 dígitos

 Gestão dos códigos de barras

Lembre-se: uma vez criado o código de identificação do produto, você jamais poderá alterá-lo, ou seja, ele nasce e morre com o item.

Portanto, o gerenciamento e controle dos GTINs são de extrema importância, pois eles são os RGs dos seus produtos e serão números únicos no mundo para identificar seus itens comerciais.


O controle desta lista é de responsabilidade da empresa dona do produto, porém, a GS1 Brasil disponibiliza o Cadastro Nacional de Produtos (CNP), uma plataforma GRATUITA para associados e disponível na internet para gerar o código de barras e ajudar no gerenciamento dos itens comerciais, geração de etiquetas, entre outras funcionalidades.

 Impressão do código de barras

A partir da numeração do item comercial (GTIN), você precisará gerar a imagem do código de barras para impressão. Há algumas alternativas:

1) caso tenha softwares e equipamentos de impressão de etiqueta ou embalagem, você pode fazê-lo internamente;

2) caso tenha um fornecedor gráfico, encaminhe a lista com a numeração dos itens (GTINs);


3) se optar por uma impressora comum, utilize o Cadastro Nacional de Produtos (CNP) para geração do número e impressão das etiquetas.

A GS1 Brasil oferece uma ferramenta onde é possível encontrar uma relação de empresas que fornecem serviços de impressão do código de barras. Conheça o G-trade


Pronto, agora sua empresa está preparada para vender seus produtos no varejo.

Veja mais informações sobre como codificar caixas e paletes.