Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Bem-vindo à GS1 Brasil A Linguagem Global dos Negócios
Navegar para Cima

Skip Navigation Linkscodigo-de-barras-completa-40-anos-hoje

Compartilhe:
26/06/2014

Código de barras completa 40 anos hoje

​São Paulo, 26 de junho de 2014 - Do armazém de carga do cais, até as pequenas lojas de varejo, os trabalhadores envolvidos na cadeia de abastecimento global e compradores de todo o mundo ouvem o familiar 'bipe' do código de barras da GS1 até 5 bilhões por dia. É provável, porém, que nenhum deles perceba que cada um desses ‘bipes’ representa um marco histórico na vida do primeiro monitoramento e solução de rastreabilidade no Sistema GS1.

 
Hoje é o 40º aniversário do primeiro produto a ser digitalizado com o código de barras GS1.
 
Quarenta anos atrás, em 26 de junho de 197​4, Sharon Buchanan foi a primeira caixa a digitalizar um código de barras da GS1 em um supermercado Marsh, em Troy, Ohio (EUA) e Clyde Dawson, diretor de pesquisa e desenvolvimento da Marsh tornou-se a primeira pessoa a comprar um produto com o preço marcado na embalagem.
 
Esse item foi um pacote de 10 chicletes Juicy Fruit Wrigley. Custou 67 centavos e seu lugar na história foi preservado no Museu Nacional do Instituto Smithsonian de História Americana, em Washington, DC, onde está em exposição, aberta ao público. 
 
"Imagine se não houvesse código de barras", diz Miguel Lopera, presidente e CEO da GS1 Global, organização sem fins lucrativos com sede em Bruxelas, Bélgica, com organizações-membro em mais de 110 países, que supervisiona a maioria dos códigos de barras utilizados hoje no mundo. "Você pode imaginar as filas nos check-outs? Você pode imaginar como os consumidores poderiam ser frustrados? Basta imaginar um dia em um hipermercado ou um supermercado, que o scanner não funcione e os caixas de verificação tenham que inserir manualmente o código de barras de cada item! Já sob uma perspectiva de negócios, imagine como o código de barras permite a um pequeno fabricante na Índia vender o seu produto em qualquer lugar do mundo, porque a etiqueta pode ser lida em qualquer país, em qualquer língua".
 
"Vamos pensar no número de digitalizações que passam pelo checkout todos os dias", diz Tim Smucker, Presidente do Conselho de A JM Smucker Companhia e Vice-Presidente e Presidente Emérito do Conselho de Administração da GS1. "É na casa dos bilhões. Isso toca a vida de todo mundo e melhora o valor da experiência de compra. Eu não acho que nada teve um impacto maior para facilitar e aprimorar o comércio em todo o mundo do que o código de barras.”
 
Os códigos de barras são os mais conhecidos e universalmente reconhecidos do Sistema GS1. O sistema é baseado em padrões e soluções para melhorar a eficiência e a visibilidade das cadeias de suprimentos e demanda em todos os setores globais e foi projetado e implementado pela GS1. O monitoramento e soluções de rastreamento da GS1 permitem que as empresas em todo o mundo identifiquem itens comerciais (produtos e serviços), ativos, unidades logísticas, expedições, entre outros, como uma corporação ou uma relação de serviço entre prestador e destinatário.
 
 
Quando este sistema de identificação é combinado com o código de barras GS1 e outras soluções no Sistema GS1, as empresas, incluindo as que competem entre si, são capazes de fazer uma conexão entre coisas físicas ou lógicas e as necessidades de informação da cadeia de abastecimento. Quando essa conexão é feita, a GS1 cumpre o objetivo de criar um mundo de comércio global.
 
"Isso é algo bastante singular para o setor de varejo", afirma Lopera. "Quando eu olhar para o futuro, meu sonho é que isso possa acontecer em muitos outros setores, porque nós podemos adicionar o nosso padrão global para qualquer setor. E todo mundo, empresas, comunidades, consumidores, podem se beneficiar disso.”
 
"O processo de unir as comunidades e encontrar valores e soluções para compartilhadar é tão importante quanto as soluções em si", completa Smucker. "Esse processo é a cultura da GS1. O processo é aplicado aos alimentos, pois fornece transparência e rastreabilidade para proporcionar a segurança alimentar. Poupar o desperdício na indústria de alimentos é extremamente importante para a nossa empresa e para a indústria em geral. Além disso, resolver os problemas que levam ao desperdício de alimentos terá um enorme benefício para o futuro do mundo e da humanidade.”