Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Bem-vindo à GS1 Brasil A Linguagem Global dos Negócios
Navegar para Cima

Skip Navigation Linksfuture-of-food

Compartilhe:
05/07/2013

Future of food

Future of Food.jpg

Como alimentar a classe média brasileira de forma responsável? As respostas para essa questão foram discutidas na 4ª edição do seminário “Future of Food”, sediado em São Paulo pela GS1 Brasil - Associação Brasileira de Automação, entre os dias 27 e 28 de junho.

 
Acompanhe nossas atualizações no Facebook e no LinkedIn.
 
Palestrantes internacionais ilustraram as diferenças e semelhanças entre Brasil, China e Índia quanto ao crescimento da classe média nesses países. De modo geral, foram destacadas as elevadas taxas de consumo, aumento no poder de compra, expectativas para diminuição da fome e da pobreza.
 
Quanto ao Brasil, o ex-ministro da agricultura, Roberto Rodrigues, ressaltou que o setor agrícola desempenhará um papel crucial nos próximos 50 anos. Ele acredita na importância de iniciativas como o Programa ABC (Agricultura de Baixo Carbono), em que a finalidade é organizar e planejar ações a serem realizadas para a adoção das tecnologias de produção sustentáveis.
 
Até 2050, o Brasil se tornará a 4ª economia mundial e as empresas devem estar muito bem estruturadas para essa nova era, pois os novos consumidores estão cada vez mais preocupados com as práticas agrícolas e o Brasil possui ótimas oportunidades para transformação, de acordo com o mediador do evento, Hugo Bethlem.
 
Um fato que chama a atenção é a demanda por alimentos nos países emergentes, que aumentou na mesma proporção que a população. Outro dado importante é que o setor agrícola é responsável pelo consumo de 73% da água potável no mundo. Para os especialistas, o Brasil deve investir em inovações tecnológicas e logísticas, incentivar a agricultura sustentável e diminuir o uso intensivo de fertilizantes e pesticidas.
 
A edição 9 da revista Brasil em Código trará um panorama completa das análises dos palestrantes. A publicação estará disponível no portal da GS1 Brasil a partir de agosto.
 
(Colaborou Luciana Donegatti de Lima)