Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Compartilhe:
09/06/2016

GS1 Brasil destaca competitividade da RFID no I Congresso Internacional da Abit

Painel Inovação e desafios nos novos modelos de negócios
abordou os benefícios da radiofrequência

Os benefícios da radiofrequência (RFID, na sigla em inglês) despertaram o interesse dos participantes do I Congresso Internacional da Abit – Associação Brasileira da Indústria Têxtil e Confecção. No início deste mês, segmentos da cadeia têxtil estiveram reunidos para debater tendências mundiais, inovações na indústria e no varejo, acesso a mercados, expectativas de consumidores, logística, sustentabilidade, trabalho digno e gestão eficiente. Todos juntos para descobrir os caminhos que essa dinâmica indústria terá como alternativas para competir globalmente. A Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil levou aos participantes as novidades sobre a tecnologia RFID utilizando o Código Eletrônico de Produto (EPC, na sigla em inglês).

O EPC (Código Eletrônico do Produto) é uma solução utilizada pela GS1 para padronizar as informações armazenadas dentro de uma etiqueta inteligente (RFID). "A tecnologia permite a captura da identificação de produtos em alta velocidade, sem precisar do contato visual do produto, o que permite inventariar grandes quantidades com precisão e integridade da informação", Ana Paula Vendramini Maniero, gerente de negócios da GS1 Brasil integrou o painel de Inovação e desafios nos novos modelos de negócios.

 Também chamadas de etiquetas inteligentes, os EPCs têm capacidade de suporte e serialização de dados e fornecem a localização precisa de cada produto – por exemplo, em um depósito –, resultando em gerenciamento otimizado do tempo para processos de entrega de mercadorias.  O Código Eletrônico de Produto é uma maneira emergente de identificar globalmente objetos físicos, cargas, localizações e ativos, entre outros.