Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Compartilhe:
26/10/2016

GS1 Brasil e Associação Nova Projeto promovem capacitação profissional

Incluir pessoas com deficiência intelectual no mercado de trabalho é o objetivo das entidades

Duas entidades sem fins lucrativos – GS1 Brasil-Associação Brasileira de Automação e a Associação Nova Projeto – têm entre seus objetivos contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência intelectual. É por isso que trabalham juntas na organização de cursos regulares para capacitar profissionalmente alunos, com o objetivo de inseri-los no mercado de trabalho em funções administrativas ou de atendimento em empresas de varejo ou similares.

A parceria entre GS1 Brasil e Nova Projeto começou em 2003, quando teve início a primeira turma dos cursos "Práticas Administrativas" e "Práticas do Varejo". A carga horária total, somando os dois cursos, tem 240 horas em três meses de aulas. A meta é ampliar as possibilidades dos alunos no mercado de trabalho por meio da capacitação adequada, de acordo com a potencialidade de cada um, e proporcionar a eles a vida em sociedade. De acordo com Virginia Vaamonde, CEO da GS1 Brasil-Associação Brasileira de Automação, "o esforço de todos os envolvidos nesse programa está em ampliar a possibilidade de inclusão de pessoas com deficiência intelectual no mercado de trabalho". Virginia explica que entidades como a GS1 Brasil e a Associação Nova Projeto têm como contribuição social oferecer programas socioeducativos e profissionalizantes como esse, principalmente para pessoas em condições especiais, como os jovens e adultos com deficiência intelectual. "É uma realização também para nós poder contribuir para o desenvolvimento, autonomia e inclusão social desses alunos."

Não é somente o aprendizado técnico e prático que os cursos proporcionam. Os alunos recebem valores que os acompanham constantemente como, por exemplo, respeito, lealdade, trabalho em equipe, inclusão, desmistificar preconceitos, ética, transparência e outros. Desde o início do trabalho, mais de 450 alunos participaram dos cursos. Todos são encaminhados para outras entidades ou empresas parceiras da Associação Nova Projeto. Segundo levantamento, 80% dos alunos que passam pelos cursos entraram no mercado de trabalho, em escritórios, clubes, escolas, empresas, supermercados, restaurantes, lanchonetes, hospitais, lojas, livrarias.

As condições de ingresso dos interessados é ser maior de idade, alfabetizado, estar cursando ou ter concluído o Ensino Fundamental e ter laudo médico recente. Os benefícios da iniciativa repercutem tão bem que a procura pelos formandos pelas empresas privadas – principalmente do varejo – já supera sua capacidade de atender.

Saiba mais:

www.gs1br.org/sustentabilidade/desenvolvimento-social/capacitacao

www.facebook.com/associacaonovaprojeto